Soluções para a constipação infantil

Soluções para a constipação infantil

A constipação - a passagem de fezes pouco frequentes, difíceis e dolorosas -, é um problema comum que afeta três por cento das crianças em idade pré-escolar e de um a dois por cento de crianças em idade escolar. Fazer cocô uma vez a cada poucos dias não é anormal se esse for o padrão habitual do seu filho. De fato, 96 por cento das crianças com idades entre três a quatro mostram uma tremenda variedade em padrões ao fazer cocô: qualquer quantidade, de três fezes por dia até três por semana.

O que causa a prisão de ventre

A causa original da prisão de ventre pode ter sido qualquer uma destas:

  • Dieta. Falta de de alimentos ricos em fibras.
  • Comportamento. Seu filho pode ter tentado controlar as fezes durante o período em que você começou a ensiná-lo a usar o vaso.
  • Resposta à dor. Uma evacuação dolorosa pode fazer o seu filho temer a passagem das fezes e reter novas.

Seja qual for a causa original, as fezes param no reto, tornando-se maiores e mais duras. Cada passagem dói, e o problema começa a se perpetuar quando a criança resiste a relaxar e deixar a natureza agir.

A incontinência por transbordamento

Quando a constipação persiste por um tempo, às vezes as fezes moles descem pelas beiradas e passam pelas fezes antigas e duras. Manchas de fezes semilíquidas ou mesmo algo que parece diarreia podem aparecer na roupa íntima do seu filho. Essa condição de diarreia, conhecida como incontinência por transbordamento, não é um evacuação legítima, nem está no controle do seu filho. É, no entanto, um sinal de que algo precisa ser feito, especialmente se a "sujeira" estiver afetando seu filho socialmente.

O que fazer sobre a prisão de ventre

Uma vez que existem alguns problemas médicos e físicos que podem envolver a constipação, é’ uma boa ideia consultar o seu pediatra ou profissional de saúde para resolver essas coisas. Seu filho provavelmente não precisará de testes exaustivos; principalmente, o médico reverá o histórico do problema e verificará a altura e o peso do seu filho e fará um exame físico geral. Seu profissional de saúde pode querer verificar dentro do reto com um dedo, mas se ele fizer isso suavemente, isto não precisa ser traumático ou doloroso.

Reeduque o intestino

O primeiro passo é ajudar as fezes duras a saírem. Há uma variedade de opções. Seu pediatra pode começar com um simples supositório de glicerina ou sugerir um preparo pediátrico com enema. Para manter as fezes moles, ele pode querer que o seu filho tome um agente amaciador de fezes por algumas semanas ou mesmo por meses. O objetivo é reeducar o intestino: estabelecer uma programação regular de evacuações para que as paredes intestinais esticadas e preguiçosas recuperem a sua força.

Adicione fibras

Examine a dieta do seu filho. Crianças que bebem quantidades excessivas de leite ou que evitam frutas, verduras e cereais integrais e pães podem simplesmente ter pouca fibra na sua dieta. Adicione fibra de qualquer maneira que puder: maçãs e peras em vez de bananas, barras de granola em vez de barras de chocolate, biscoitos de aveia em vez de biscoitos regulares, e pão de trigo integral em vez de branco. Lanches com legumes crus com um molho gostoso também são um bom truque para conseguir fazê-los comer um pouco de vegetais. Para crianças mais seletivas para comer, o pediatra pode sugerir um suplemento de fibras.

Concentre-se na recompensa

Resista punir seu filho ou expressar ansiedade ou insatisfação quando você o vir segurando as fezes ou sendo relutante em tentar. Em vez disso, estabeleça uma série de recompensas quando ele as produz. Embora algumas cólicas e pequenas quantidades de sangue possam ser parte da constipação e não sejam motivo para preocupação, certifique-se de consultar o seu profissional de saúde imediatamente se o abdômen do seu filho inchar de repente, se ele estiver vomitando e com prisão de ventre, ou se houver uma boa quantidade de sangue ou dor.

Finalmente, lembre-se que a constipação é um problema comum em crianças pequenas, especialmente os manhosos para comer. Aprimorar a dieta’ do seu filho pode resolver o problema mais facilmente do que você imagina!

Também podem te interessar:

Fraldas

Pampers Premium Care

A fralda mais sequinha e mais macia do Brasil